Médias Móveis Mais Usadas

Médias Móveis Mais Usadas

Alguns analistas técnicos usam indicadores e gráficos para operarem no mercado financeiro. Eles servem como uma forma de orientação, para que os analistas possam identificar com mais clareza a tendência do mercado, assim como as reversões da tendência também. Assim, fica bem mais fácil operar na mesma direção da tendência, e não no sentido contrário.

Os analistas usam muito o gráfico de barras e candlesticks no momento de traçar linhas de tendência. Assim como também para identificar quais são os pontos de suporte e resistência. Além desses, há também outros indicadores estatísticos muito usados, que ajudam muito na tomada de decisão. Alguns desses indicadores são as médias móveis. 

Elas funcionam da seguinte maneira: o indicador usa a média dos preços de um certo ativo num certo período. Após isso, ele usa a informações obtida para demonstrar no gráfico o resultado.

Média Móvel - Gráfico

Média Móvel – Gráfico

As médias móveis trabalham com uma tendência já em movimento, que já existe. Ela segue a tendência. Já a velocidade em que o analista consegue visualizar a tendência irá depender de qual a média usada. Com as médias móveis, é possível tanto verificar uma tendência, como confirmá-la ou pode, também, sinalizar uma reversão dessa tendência, ou seja, quando o preço muda de lado. Isso é possível porque o indicador consegue identificar os fortes movimentos que acontecem de compra e de venda.

Como Usar as Médias Móveis

É possível ter atrasos nas médias móveis, devido ao período usado. Para reduzir esses atrasos, o analista pode usar períodos mais curtos. No entanto, é importante frisar que, quanto mais curta dor a média, mais sensível também será a alteração dos preços. E isso pode indicar um movimento falso de reversão de tendência. Pois pequenos movimentos podem parecer maiores do que realmente são.

Tipos de Médias Móveis 

Os dois tipos mais comuns de médias móveis são: média móvel simples (MMS) e a média móvel exponencial (MME). Elas servem para identificar quais os níveis de suporte e de resistência, e também para demonstrar qual a tendência do mercado, a sua direção.

Como Calcular a Média Móvel Simples? 

Exemplo de Média Móvel Simples

Exemplo de Média Móvel Simples

O cálculo do preço médio de um certo ativo é feito considerando um certo número de períodos. Geralmente, elas baseiam-se no preço de fechamento do ativo. Por exemplo, a média móvel simples de 10 dias considera a soma dos 10 dias dos preços no seu fechamento, e divide o resultado por 10. 

A medida em que os dados se modificam, os valores das médias também sofrem alteração. Pois, como o próprio nome já diz, elas são médias móveis. E acompanham a movimentação do mercado, que é dinâmico.

Como Calcular a Média Exponencial? 

Nesse caso, a defasagem sofre uma redução, pois os preços mais recentes acabam tendo um peso maior. Os passos para calcular a média móvel exponencial são:

• A primeira coisa é calcular a média móvel simples. Ela servirá como o início da média móvel exponencial, que precisa de um início. Ela atuará como uma média móvel exponencial do período anterior. Isso no caso do primeiro cálculo.

• Depois, calcula-se o coeficiente de multiplicação.

• E, por último, calcula-se a média móvel exponencial.

Qual a Melhor: Média Móvel Simples ou Exponencial? 

Fórmula de Média Móvel Simples e Exponencial

Fórmula de Média Móvel Simples e Exponencial

Existem diferenças básicas entre uma e outra. Definir qual delas é a melhor depende muito do objetivo do analista, do tempo e do seu estilo. O ideal é experimentas as duas opções, para saber qual atende melhor às suas necessidades. E em qual delas se adapta melhor.

No caso da média móvel exponencial, ela possui menos defasagem que a simples. Isso a torna mais sensível aos preços mais recentes. As médias móveis simples indicam um valor médio real dos preços considerando o período total de tempo. Dessa forma, elas são melhores para sinalizar suporte e resistência. As médias móveis exponenciais mudam antes das médias móveis simples.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Mercado

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *