História das Moedas do Brasil

Desde a época em que fomos descobertos e colonizados pelos portugueses e tratados como uma colônia de exploração, diversas moedas estiveram em circulação em todas as regiões brasileiras. Depois que a família Real desembarcou no país, o padrão começou a ser mais organizado. Foi uma longa lista de moedas até chegarmos a uma estabilidade com o Real brasileiro. Conheça um pouco sobre a história das moedas no Brasil.

Um Pouco de História

Quando os portugueses desembarcaram no país, a política de escambo imperou junto ao Real hispano-americano e o Real português. Pode-se dizer que o primeiro “Real”, citado de origem espanhola, era a principal moeda de 1580 a 1640, quando de fato os espanhóis dominavam os portugueses. No meio desta confusão, os holandeses cresciam no país e também negociavam suas próprias moedas.

Antigas

Com o reestabelecimento mundial português depois de 1654, a política e distribuição monetária passou a ser controlada somente por Portugal. A primeira casa da moeda foi inaugurada em 1694. O cenário persistiu até 1808, quando a corte portuguesa desembarcou em sua colônia e aumentou o valor monetário das moedas. Depois da mudança da realeza para o Rio de Janeiro, a economia começou finalmente a crescer qualitativamente. O Banco do Brasil é fundado!

Com a independência, chegaram grandes crises, uma vez que nos libertamos sem fundos para investir internamente. Desde então, foram idealizadas diversos tipos de padrões monetários para combater a dívida externa e a inflação até chegarmos à década de 1990.

Mudanças

Durante o plano Real, estivemos em paridade cambial com o dólar, decretando uma grande expansão econômica, porém, o governo FHC, que fortificou a moeda, praticou um dos maiores engodos políticos quando aumentou a dólar em relação ao Real, mesmo prometendo que não o faria durante as campanhas da reeleição de 1998. A partir daí, conter a inflação passou a ser uma forte lei monetária governamental que persiste até os tempos oriundos.

Lista de Moedas Oficiais que Circularam no Brasil Pós-Colonização

– Até 1833, Real: regulamentado oficialmente com o alvará 1/091808 da colônia portuguesa. R 1$2000 era igual a 1/8 de ouro com peso de 22K.

– De 08/10/1833 a 31/10/42, Mil Réis: a coroa portuguesa começou a controlar e fortificar a moeda depois de chegar ao Brasil, fugindo da expansão napoleônica na Europa e contando com a defesa da Inglaterra. Rs 2$500 se equivalia a 1/8 de ouro com peso de 22K. O texto oficial consta na Lei 59, estipulada na mesma data de oficialização.

Atual

– De 01/1842 a 30/11/1964, Cruzeiro.

– 01/12/1964 a 12/12/67, Cruzeiro, sem centavos.

– 13/02/1967 a 14/05/70, Cruzeiro Novo, com a volta dos centavos.

– 15/05/1970 a 14/08/84, Cruzeiro.

– 15/08/1984 a 27/02/86, Cruzeiro, mais uma vez sem contabilizar os centavos.

– 28/02/1986 a 15/01/89, Cruzado, voltando os centavos!

– 06/01/1989 a 15/03/90, Cruzado Novo.

– 16/03/90 a 31/07/93, Cruzeiro.

– 01/08/93 a 30/06/94, Cruzeiro Real.

– 01/07/94 à atualidade, Real.

Texto escrito por Renato Duarte Plantier

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Moedas

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • Olá eu gostaria que alguem me esclareça uma duvida,é que no artigo a “historia das moedas do brasil” esta escrito que entre o ano de 1/1842 a 30/11/1964 so esta circulando os cruzeiros.mas eu tenho uma moeda de 50centavos de 1947 que tem o getulio vargas no verso,gostaria de saber se ela é valiosa e se estava em circulação na epoca.obrigado pela atenção.

    Carlos andré 9 de dezembro de 2011 16:26
  • Caro Carlos André, eu acho que você se confundiu com a data inicial. Na verdade, o cruzeiro foi a moeda criada para substituição do Reis em 1942 por Getúlio Vargas e circulou até meados de 1967.

    Tony 23 de setembro de 2014 14:30

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *