Moedas Paralelas do Brasil

O Real não é a única moeda válida em nosso país!

Moedas Paralelas do Brasil

Moedas Paralelas do Brasil

O Real é a moeda oficial do Brasil, e é usada pela grande maioria dos brasileiros. Tanto é que muita gente não sabe que existem moedas paralelas no país.

No total são 51 tipos de moeda em circulação, fora o Real. A principal função destas moedas paralelas é permitir um comércio forte em determinadas áreas rurais ou pequenas comunidades.

Essas moedas paralelas são emitidas por bancos locais, que precisam obedecer a determinadas regras. Nas comunidades onde a moeda é utilizada, os comerciantes chegam a oferecer descontos ou facilidades de compra, para fomentar a utilização.

Com vantagens para utilizar a moeda, a população acaba comprando mais dos comerciantes e produtores locais, beneficiando toda a comunidade, que fica mais rica e sólida.

Os órgãos de estatísticas estimam que cerca de 500 mil reais circulam pelo Brasil através de moedas paralelas – sendo que nove estados brasileiros adotam essas moedas.

Três características essenciais

Sobre

Sobre

– De existir paridade entre a moeda paralela e o real, ou seja, é necessário que esteja indexada à moeda oficial.

– É necessário que dê para realizar câmbio, ou seja, deve ser possível que o portador da moeda troque-a pela moeda oficial no banco que emite o dinheiro paralelo.

– O dinheiro é lastreado, o que significa que ele possui uma “garantia” depositada no banco para certificar que aquele dinheiro pode circular.

A moeda paralela também deve possuir elementos de segurança para impedir a falsificação, e geralmente as cédulas de quase todas as moedas paralelas são impressas em uma gráfica situada em Fortaleza, pois a gráfica oferece diversos recursos de segurança.

Veja o processo de emissão e utilização da moeda paralela no Brasil

Dinheiro

Dinheiro

– Em comunidades carentes de favelas ou assentamentos rurais, um banco comunitário resolve criar uma moeda paralela à oficial, para estimular o comércio local. Este “dinheiro” só vai ter valor dentro da própria comunidade onde é emitido, e por isso o banco deve garantir os três requisitos básicos para esta moeda (paridade, rastreabilidade e câmbio).

– As notas são produzidas, levando em consideração elementos para garantir a segurança. Por isso as cédulas são emitidas em papel-moeda, número de série e possuem marca d’água. Algumas possuem até tinta infravermelha e código de barras, para aumentar a rastreabilidade da nota.

– As moedas emitidas costumam ter baixo valor, que geralmente fica entre 0,50 e 10 reais (valores considerados em reais).

Como exemplos de moedas paralelas, temos o Santana, emitido pelo banco Bassa, o Castanha, emitido pelo Banco Comunitário de Palhano e o Palma, utilizado em Fortaleza no Ceará e emitido pelo Banco Palmas. Além desses, existem ainda outros 48 tipos de moedas paralelas.

Andressa Silva.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Moedas

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • quero vender uma moeda de 200 réis 1889 republica dos estados unidos brazil

    aline carvalho 31 de outubro de 2011 8:59
  • aline vc pode me passar seu contato? o meu é lucasarts1@hotmail.com

    OBRIGADO\!! XD

    Lucas 13 de março de 2012 13:54

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *