Melhor Corretora Para Operar Mini Índice

Para quem está iniciando no mercado de ações, existem uma gama de tipos de ações e títulos de investimento disponíveis para negociações. Mas para quem está no início e não possui uma grande quantidade monetária disponível no momento eis operações de mini índice é muito indicado. É uma proposta de investimento por alavancagem, ou seja, é investir com recursos que não são próprios, mas possibilitam operações de maior volume em compra, venda, lucros ou perdas.

As propostas e percentuais de investimentos podem variar de acordo com cada corretora, existem firmas que trabalham com contratos de valores que variam de 3 até cinco vezes mais o que o cliente possui depositado em sua conta. Mas antes vamos entender como funciona este portfólio de ação e a seguir veremos mais sobre corretoras que disponibilizam este tipo de operação.

O que é Mini Índice?

O mini índice é um tipo de investimento em ações de contratos futuros, ele foi desenvolvido e e pensado justamente para pessoas físicas por possuir uma facilidade de limite pequeno no investimento inicial.

Para melhor elucidar sobre o que se trata do mini índice de mercado futuro vamos a um exemplo prático. Vamos imagina que Joana quer comprar uma fantasia de unicórnio que Mariana está vendendo, mas elas estão em junho. Neste período Joana não possui R$10,00 em mão para realizar a compra do item de Mariana.

Em fevereiro, no carnaval, Joana imagina que o produto possa estar valendo R$15,00, mas com o aumento de oferta de itens e fantasias carnavalescas o produto de Mariana pode abaixar de preço ou mesmo aumentar. Com estas previsões Joana decide combinar o preço que irá pagar em fevereiro com Mariana, sendo assim combina o valor de R$12,00, isso independente do valor que poderá estar custando no período de sua aquisição.

Para Joana, que irá comprar a fantasia, ela imagina que será lucrativo, já que imagina que a fantasia estará mais cara. Já para Mariana embora ache que o valor da fantasia esteja mais cara que o valor atual de R$10,00 não acredita que seu preço irá passar de R$11,00 em fevereiro, assim ambas partes firmam um contrato.

Agora transformando esta situação em contrato de índice Bovespa, a lógica continua a mesma. Quanto eu espero que o índice Bovespa suba? Estes pontos de oscilações que são esperados no futuro é a margem de lucro que espero reter na operação.

Quais Tipos de Mini Índice Existem e o que é o índice Bovespa?

Inicialmente vamos entender o que é o índice Bovespa, este índice é formado por cerca de 70 empresas que possuem ações na bolsa, como possui um volume diário que chega a 5 bilhões de reais, é o tipo de ativo mais negociado na BM&FBovespa, ficando mais atraente a aposta em sua alta ou baixa e assim realizando a compra e venda destes portfólio.A cotação do valor do mini índice funciona por pontos, assim como ocorre com o índice Ibovespa, seria como se o indivíduo estivesse comprando e vendendo os pontos deste índice.

Nesta modalidade existem dois tipos de contratos de índice, o mini índice ( chamado de WINFUT ), do nosso artigo em questão, e o índice cheio ( INDFUT ). A sua diferenciação básica ocorre no valor de cada ponto, no cheio cada ponto equivale ao valor de R$1,00 e o mínimo de operação seriam de 5 contratos. Já para o mini índice, cada ponto vale 20%, ou seja, a cada 1 ponto este vale R$0,20, sendo uma opção mais acessível para quem possui um capital inicial relativamente baixo. Para elucidar, com a bolsa valendo 50.000 e você comprar 5 contratos WINFUT, e a bolsa estiver em alta em 2% ( equivalente a 1000 pontos), você ganharia R$1000,00 nesta transação. Se estivesse neste mesmo cenário operando com o índice cheio, sua lucratividade seria de R$5000,00.

Mini Contrato índice Futuro e Mini Contrato Dollar Futuro.

O contrato é um derivativo, já que deriva de algo, no caso do índice futuro, este depende da pontuação da bolsa, já o contrato de dólar depende da moeda norte americana. Sendo estes tipos um tipo de investimento baseado na expectativa de onde estará o índice Bovespa no dia do seu vencimento.

Porque Escolher Operar com Mini Índice?

  • Quando se compra as ações do índice, você não investe uma só empresa, assim os riscos são amenizados. Seria o mesmo de investir em 70 ações, assim a diversificação é garantida.
  • Os padrões de análise técnica funcionam muito bem neste tipo de operação. E pelo volume de transações diárias a compra e venda destes se torna mais facilitada.
  • Possibilidade de investimento por alavancagem, já que há maneiras de investir quando se tem apenas uma fração do dinheiro necessário para realizar a transação.
  • É Fácil e acessível, já que em algumas corretoras com o valor de apenas R$40,00 é possível operar um mini contrato de índice futuro.
  • Possui uma liquidez muito alta.

Quais Corretoras Trabalham Com Este Tipo de Investimento?

No site da BMFBovespa há uma ferramenta de busca de corretoras para o tipo de operação que lhe é desejado realizar, ainda para facilitar a busca esta ferramenta possui filtros e opções de refinamento de buscas. Existem mais de 30 opções de corretoras que oferecem o serviço de derivativos, ao qual pertence a operação de mini índice.

Dentre as corretoras que oferecem este tipo de operação financeira podemos citar Àgora CTVM S/A, Alfa Corretora, Rico Investimentos, Ativa Investimentos S. A., Bradesco corretora, Brasil Pluras, BTG Pactual, CitiGroup, CODEPE CV e Cambio, Coinvalores, Concordia S. A., Credit Suisse, Easynvest, Fator Corretora, Gradual Investimentos, Guide Investimentos, Haitong Securities, Itaú Corretora, J. P. Morgan, Bank of America Merril Lynch, Mirae Asset,  Morgan Stanley, Planner, Santander Corretora, Socopa Corretora, Spinelli S. A., Terra Investimentos, Um Investimentos S. A., Votorantim, Walpires S. A., XP Investimentos.

Ainda no site da BM&FBovespa é possível encontrar filtros de selos de qualificação das corretoras, sendo que estas permitem uma classificação de acordo com ferramentas e plataformas que as corretoras oferecem, eficiência e infraestrutura tecnológica destas, procedimentos de administração e gestão de risco, e processos de qualificação de alocação e repasse de informação.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Investimento

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *