Mercosul com Moedas Locais até 2010

O Mercado Comum do Sul, da América do Sul, como é conhecido o nosso Mercosul, ao longo de sua existência, não vem conseguindo a tão desejada integração econômica Regional dos países do cone Sul da América do Sul, principalmente da união Aduaneira de livre comércio entre seus países. A busca pelo Equilíbrio Econômico nunca termina. Estes objetivos remontam desde a década de 60, quando se estabeleceu na América Latina a ALALC. Em l985, Brasil e Argentina, assinaram a Declaração de Iguaçu, primeiro passo em direção a criação do Mercosul, que oficialmente em l988, com a adesão do Uruguai e do Paraguai, se formou então o Mercosul, que em suas idas e vindas, vem sofrendo dificuldades.

Mercosul com Moedas Locais até 2010

Mercosul com Moedas Locais até 2010

Agora com a idéia do Mercosul com moedas locais até 2010, prática que já vem sendo utilizada pelo Brasil e Argentina, em suas transações comerciais e que lhes rende uma Economia em torno de 3%, sem a necessidade de se utilizar do dólar, a moeda oficial do Mercosul, seria uma boa novidade e um Negócio de Futuro para todos os países que o compõem. O Mercado Comum Europeu foi mais longe, criou o Euro, moeda comum a todos os países que participam do bloco e que pelo que tudo indica, vem facilitando a vida de todos e dando muito certo . Por isso o Mercosul com moedas locais até 2010 seria, com certeza, pelo menos uma boa tentativa de melhorar as condições do mercado, valorizando as moedas circulam nos países que compõe o bloco.

Comércio

Comércio

Não se justifica, para brasileiros, argentinos, uruguaios e paraguaios, que suas moedas não sejam aceitas nos quatro países do Mercosul e que tenhamos de recorrer ao cambio do dólar. Para o Empreendedor Individual que se desloca entre os países do Mercado Comum do Sul, o cambio duplo que é forçado a realizar, representa sempre uma dificuldade a mais, além do prejuízo do custo cambial duplo. É visível a importância para que o Mercosul adote moedas locais até 2010, pois vai proporcionar facilidades para quem viaja e pratica o turismo nos países participantes do bloco.

Exterior

Exterior

Como se não bastasse tudo isso, o uso das moedas locais ate 2010, estabeleceria novos horizontes nas comunidades participes do Mercosul que promovem intercâmbio cultural e turístico, com uruguaios e argentinos visitando nossas praias e nós do Rio Grande do Sul nos deliciando nas casas de tangos em Buenos Aires e Montevidéu, além de suas famosas termas, ao lado do Rio Uruguai. Ainda mais, no inverno, quando as Vendas Aumentam com o Frio aqui no Sul e o pessoal invade a Argentina e o Uruguai, em busca de agasalhos para enfrentar o rigor do nosso frio e saborear bons vinhos das cantinas portenhas, além das famosas pescarias de Surubi e de Dorados no Rio Paraná, em território argentino.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Medidas

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • vendo moedas 50 reis mandei um mail para quem estiver entressado

    joao 26 de setembro de 2009 10:57
  • Quando será criada a moeda do mercosul? Será que todos os países latino americanos participarão?

    Gilberto Pinto de Souza 22 de janeiro de 2010 11:10
  • Nós precisamos ao inves de criar a moeda sulamericana,pensar no panamericanismo que é a união de todos os paises americanos e formar a moeda pan-americana.

    Gilberto Pinto de Souza 3 de fevereiro de 2010 17:10

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *