Indicadores de Tendência: O que São?

O que são Indicadores de Tendência?

Os indicadores são ferramentas auxiliares que ajudam na análise técnica de gráficos do mercado financeiro, são instrumentos básicos para operadores que estão no mercado financeiro, principalmente aqueles que investem diariamente em compra e venda. Estes são desenvolvidos a partir de fórmulas e teorias matemáticas criados por estudiosos do mercado, e estas se baseiam em preços ou volumes de ativos financeiros. Este costumam apontar oscilações e tendências de preços, ponto de inflexão ou reversão, momentos de entrar ou sair do mercado com compra e venda de ativos. Desta maneira, estes indicadores ajudam o investidor a reagir e escolher o melhor momento para intervir no mercado de ativos.

Categorias de Indicadores

Hoje, com o desenvolvimento e ampliação da atuação de investidores no mercado financeiro, exitem uma gama de tipos de indicadores no mercado de ativos. E estes podem ser subdivididos e classificados em tipos de indicadores, são separados em três classes, indicadores rastreadores, osciladores e mistos.

  • Rastreadores

Este tipo de indicador monitoram a tendência de um determinado ativo, e sinalizam coerência ou divergência em relação aos seus preços. São representados por gráficos de linha e estabelecem ao longo do período uma tendência de baixa ou de alta. Podemos citar como indicador – rastreador mais conhecido entre os investidores e operadores de mercado as médias móveis, OBV ( On Balance Volume), MACD ( Moving Convergence and Divergence ).

  • Osciladores

Este tipo de indicador monitoram as oscilações de preço de um determinado ativo no mercado, que visam sinalizar pontos de reversão de movimentos de alta e de baixa. Estes são representados por um intervalo de linha, do tipo faixa, ao qual é representado por oscilações internas a esta faixa, e estabelecem níveis de compra e de venda. Nas regiões apontadas de sobrecompra e sobrevenda é muito comum que ocorra divergências que reforçam a sinalização gráfica emitida pelos osciladores. Os indicadores mais comuns são o Índice de Força Relativa (IFR), Williams % R e indicadores estocásticos.

  • Mistos

Os indicadores desta categoria estuda o comportamento de um grupo de ações, não sendo possível aplicá-lo em uma única ação. O objetivo primordial é sinalizar o consenso dos investidores ao mercado como um todo, ou mesmo setores específicos da economia. Estes podem ser aplicados como rastreadores ou osciladores. Podem ser aplicados como por exemplo do índice Bovespa, e indicam a força de crescimento ou declínio de uma tendência., como também momento de compra ou venda de ativos. Os indicadores mais usados utilizados neste tipo de análise são o LAD (Linha de Avanço e declínio), Climax, New High e New Low, Novas máxima e Novas mínimas.

Alguns Outros Tipos de Indicadores de Tendência

  • Variable Index Dynamic Average
  • Triple Exponential Moving Average
  • Parabolic SAR
  • Devio Padrão
  • Moving Average
  • Adaptive Moving Average
  • Ichimoku Kinki Hyo
  • Average Directional Movement Index
  • Fractal Adaptive Moving Average
  • Average Directional Movement Index Wilder
  • Envelopes
  • Bollinger Bands
  • Double Exponetial Moving Average
  • Média Móvel
  • MACD – Convergência e Divergência Média Móvel
  • SMA – Promédia Móvel Simples
  • EMA – Promédia Móvel Exponencial
  • Indicador parabólico SAR
  • Momentum
  • ADX
  • William’s %R
  • Fibonacci

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Investimento

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *