Equador Economia

República do Equador

O Equador comemora o dia da sua independência no dia 24 de maio. A capital do Equador é Quito, mas Guayaquil é considerada a maior e mais importante cidade econômica. O páis possui uma área de 283.561 km² . Sua economia é considerada uma das maiores economia da América do Sul. Desde o ano 2000 a moeda é o dólar americano. O país possui aproximadamente 13,81 milhões de habitantes e isso caracteriza o Equador como um país que vem se desenvolvendo, proporcionando melhores condições de vida.

Equador Economia

Desenvolvimento Industrial

Em 1965 foi aprovada uma lei que facilitou o desenvolvimento, e assim houve a expansão de fábricas têxteis, artigos eletrônicos entre outros. Já em 1970 a produção e a exportação do petróleo foram incrementadas como prática de desenvolvimento industrial do país, e isso proporcionou a construção do oleoduto que tem o nome de transequatoriano, que leva o óleo do interior do país até os portos. Em 1995 o Equador ingressou na Organização Mundial do Comércio e isso foi importante para que a economia do país tivesse um grande impulso. O Equador também faz parte do MERCOSUL e da Comunidade Andina das Nações. O país tem se preocupado em investir em sua economia e tem demonstrado mundialmente o seu crescimento e os investimentos que tem feito para que o país tenha uma valorização maior de sua economia e, no entanto é considerado um país que possui uma das maiores economia da América, e só conseguiu esse mérito devido à persistência em elaborar projetos que rendessem bons e importantes frutos para a economia.

Mapa

O Crescimento da Economia Equatoriana

A economia Equatoriana em relação aos produtos agrícolas produz alguns alimentos que fortalecem sua economia, como: a banana que é o principal cultivo, café, cacau, milho, batata, entre outros produtos. Em relação à pecuária ganha destaque os bovinos, ovinos, suínos e as aves. No solo, podemos encontrar minas de ouro, a prata, o chumbo e o zinco. As reservas petrolíferas são responsáveis por grande parte das exportações e são a base da indústria. Mas o setor industrial do equador também é constituído não somente pelo petróleo, mas também por outros setores como: alimentícia, madeireiras, têxteis, química, papel, esses também são importantes para a economia do país. A renda per capita, segundo uma estimativa realizada em 2006 é de US$ 4.776.

Pib

O país possui recursos substanciais em petróleo, e a exportação do petróleo influenciou no crescimento da economia nos últimos anos. Com a aprovação do congresso pelas reformas estruturais e a dolarização da economia, contribui para que ocorresse a estabilidade e o crescimento econômico do país. Com as variações do preço do petróleo, tendo valor alto desde 2003, beneficiou muito o Equador.

Por: Érica Ap. Gomes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>