Brasil Evitará Sobrevalorização do Real

De acordo com declarações do ministro da Fazenda Guido Mantega, nesta segunda-feira dia 27 de setembro, o governo não irá permitir que o real se valorize demais. Segundo ele o Brasil conta com um grande arsenal de medidas para impedir que nosso país saia perdendo devido à política de cambio dos outros países. Entretanto ele não deixou de frisar que uma pequena valorização é inevitável para que o Brasil conte com mais investimentos.

Descartada Nova Taxação Sobre Investimentos

O ministro que esteve presente em evento realizado pela Federação das Indústrias do Estado de Sõ Paulo (FIESP), ressaltou ainda que o Brasil sofra bastante com a volatilidade do cambio, embora em outubro do ano passado tenha sido adotado o Imposto Sobre Operações Financeiras (IOF) para os investimentos feitos em renda fixa e em ações, medidas estas que visam reduzir essa volatilidade.

Real

Mantega não revelou detalhes sobre medidas possíveis de serem adotadas no combate da apreciação cambial, mas descartou qualquer possibilidade de nova taxação sobre os investimentos. Sendo os investimentos positivos para o país não há porque taxá-los. Medidas para evitar as especulações de curto prazo podem ser adotadas.

Compra de Dólares Deve Continuar

De acordo com as declarações de Mantega o Brasil está investindo forte na compra de dólares e assim vem ampliando de maneira significativa a reserva internacional do Brasil, passando para US$ 270 bilhões de dólares e afirmou ainda que o país vai continuar a comprar uma vez que o objetivo é justamente o de não permitir que os dólares fiquem sobrando no mercado.

Capitalização da Petrobras

A capitalização da Petrobras garantiu a empresa nada menos do que R$ 120 bilhões de reais e agora passado esse momento o que se espera é que o país se encaminhe para um cambio um pouco mais estimulante para a competição a nível internacional. Mas ele acredita que com a crise em países desenvolvidos o que vai acontecer é um aumento na disputa cambial.

Capital

A verdade é que os países mais desenvolvidos estão numa batalha ferrenha tentando exportar seus produtos, até mesmo porque muitos ainda estão lutando contra os fortes efeitos da crise mundial que atacou gravemente as economias de muitos países ricos.

Desvalorização Generalizada

O ministro afirmou que o que há é uma desvalorização generalizada no cambio o que é uma ameaça para o nosso país. Quando todos cumprem, o melhor regime é o de cambio flutuante e segundo ele é preciso insistir nisso.

Cambial

Mantega vai levar esse problema para a reunião do Fundo Monetário Internacional (FMI) no outono quando pretende mostrar o risco e cada país, tentar de maneira artificial conseguir a desvalorização cambial. O ministro se mostra preocupado, mas ao mesmo tempo firme quanto às medidas a serem tomadas.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Câmbio

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *